O Boletim NOTIANDINA chegou ao número 100. PARABÉNS!
AGRADECEMOS a todas as pessoas que fizeram possível este meio de comunicação na província América Andina, começando pela equipe do governo provincial que o sugeriu; agradecemos às pessoas que compartilharam com simplicidade sua vida e a vida em missão que vivemos, com sentido de corpo, em cada lugar que forma esta parcela da Congregação, hoje. Também agradecemos aos que nos estimulam com suas palavras, com seu interesse e leitura do Boletim Notiandina; hoje, de modo especial, a nossas Superioras Geral e Provincial. Esperamos continuar com a colaboração renovada de todas e todos que formamos a família de Cândida Maria de Jesus nesta realidade provincial.

DE NOSSA SUPERIORA GERAL, MARIA INEZ FURTADO FI

Encontro – Comunicação – Acompanhamento, três palavras vitais em nossos dias. Mais que ações são atitudes que estamos aprendendo ou, pelo menos, tentando torná-las realidade na linda missão que é ‘ser Filhas de Jesus no século XXI’. Estamos a caminho, porque todas sabemos que nestas matérias somos alunas iniciantes, pelo menos no modo de fazer hoje, ante a diversidade cada vez maior de ‘meios’ de que dispomos. Todas experimentamos que ‘os meios’ ajudam, mas também podem nos preparar tropeços. Em tempos com tantos meios para encontrar-nos, comunicar-nos e acompanhar -nos... quanta solidão, distração e autêntica desinformação... quanta desUNIÃO! O que dizer do quando e do como de nosso encontro-comunicação-acompanhamento, quando nos falta tempo para ‘um pouquinho de discernimento’?
Entre nós há sinais de que estamos a caminho, conscientes de que para nosso Corpo apostólico, leigos e religiosas, são atitudes e iniciativas que têm um objetivo muito claro – a união dos corações. Se nos encontramos... quando nos comunicamos... e ao acompanhar-nos uns aos outros... temos sempre a meta de fazê-lo para que cresça nossa UNIÃO DE CORAÇÕES. Ela ficará fortalecida cada vez que nossa atuação nestes três aspectos sirva a todos de consolo, edificação e progresso no amor (cf. CFI 236).
Como não agradecer e estimular iniciativas nesta linha?
Sim, quero neste número 100 de NOTIANDINA expressar minha alegria por favorecer esta possibilidade de encontro-comunicação-acompanhamento da vida cotidiana destas regiões, e a pontualidade e perseverança que tiveram até agora as pessoas que nela colaboram de tantos modos. OBRIGADA América Andina!

DE GRACIELA FRANCOVIG FI, SUPERIORA PROVINCIAL de AMÉRICA ANDINA

Dizer uma palavra ante o número 100 de ‘Notiandina “mé falar de um caminho percorrido que tem muito a ver com o início da AA e do processo de reconfiguração. Recordo-me de que ao planificar nosso Projeto Religioso Apostólico, como Governo provincial em fevereiro de 2012, um dos objetivos foi: CONSOLIDAR O PROCESSO DE RECONFIGURAÇÃO DA PRÓVÍNCIA.
Para isso surgiu como um dos meios “dar força à comunicação dentro da comunidade e com as comunidades da Província, favorecendo comunicações quinzenais simples, via e-mail; e as coordenará a secretária provincial para toda a província”.
Nestes dias estive olhando os primeiros boletins quinzenais que estão encadernados por anos, e me impactou positivamente a história da Província plasmada em notícias que fomos contando uns aos outros. Quanta vida em nossas comunidades, casas, comunidades ampliadas, diferentes obras apostólicas com jovens, sociais, de EE...! Isso me levou a uma profunda gratidão ao Senhor e admiração de quanto Ele realiza através de nós, no empenho por santificar-nos e, com o mesmo empenho, buscar a santificação dos próximos (Fórmula do Instituto). No caminho surgiram questionamentos: as notícias que não chegam no tempo e forma “que desejaríamos”; a preocupação de Tere Ramirez e sua pergunta: tem sentido continuar com Notiandina? E outras reflexões... Ainda assim, e com tudo isso, dissemos: CONTINUAMOS!
Hoje vejo que se trata do seguinte: muitas vezes temos dificuldades para colocar em andamento as coisas, e essas dificuldades às vezes permanecem. O importante, creio, é não abandonar o caminho começado. Porque a vida é imperfeita e com limitações e é justamente aí onde o Senhor se encarna para nós, dando-nos vida nova e fazendo nascer esperança, entusiasmo e alegria para todos. É ISSO QUE CELEBRO HOJE COM O NÚMERO 100 DE NOSSAS NOTÍCIAS.
Agradeço a constância e o entusiasmo de nossa Irmã Teresa Ramirez por levar Notiandina adiante. Sei de seu esforço para que saísse quinzenalmente com pontualidade. Agradeço sua fidelidade para que nenhum boletim fosse publicado sem meu visto de aprovação, como sua respeitosa acolhida a meus “isto sim, isto não, isto parece conveniente, agora ficou com muito texto e poucas fotos, etc.” É nossa maneira de proceder que deve acontecer no pequeno, no cotidiano.
Obrigada irmãs e leigos, obrigada a todos pela colaboração com este meio de comunicação que nos possibilitou o ENCONTRO ENTRE NÓS. Obrigada pela valorização que a grande maioria fazemos dele. NOVAMENTE OBRIGADA AO INCANSÁVEL TRABALHO FRATERNO DE NOSSA SECRETÁRIA.
Numa noite, enquanto nós duas olhávamos a história destes anos, comentamos: quando terminarmos como governo, deixaremos plasmada em notícias muita vida da Província AA neste sexênio. E isso foi fonte de alegria que hoje também desejo comunicar!

Notiandina 100

0
0
0
s2sdefault