São variadas as propostas formativas que estão acontecendo nos últimos meses na Província Espanha-Itália, tanto nas Obras Educativas como as destinadas às Comunidades.

O ano iniciou com o primeiro encontro da V iniciativa de formação para direções. Ela está sendo desenvolvida em quatro semanas (repartidas ao longo de dois anos letivos), e aborda diversos temas sobre a gestão dos centros educativos, com tempos para continuar aprofundando nossa identidade e carisma próprios e nosso modo de proceder (maiores informações no site da Província Espanha-Itália).

Faz alguns anos, esta formação para direções se completa com outra semana destinada à formação espiritual.  Há três anos, incluindo este, é oferecida uma semana de Exercícios Espirituais para aquelas pessoas que pertencem ou pertenceram a Equipes Diretivas nos colégios da Província. Tal experiência é feita em Loyola. Ali se reuniram, neste ano, 26 professores nos dias 18 a 23 de fevereiro, acompanhados por Ana Cantalapiedra FI, Blanca Esther Iriarte FI e MªLuisa Berzosa FI. (maiores informações no site da Província Espanha-Itália)

Dentro do plano de formação institucional das Obras Educativas há também uma parte destinada aos professores que se incorporam em nossos centros. Durante seus primeiros três anos realizam um processo que inclui vários encontros cada ano. Neste trimestre os diferentes grupos de Professores Novos abordaram temas como a justiça, os colégios como plataformas evangelizadoras, ou percorreram em Valladolid, Burgos e Salamanca os passos da Madre Cândida.

Também é importante a formação contínua do professorado. Por isso, além de participarem em diferentes propostas formativas em nível local, um grupo de 20 professores de Almeria, Málaga, Burgos, Valladolid, Sevilla e Madri estão participando na nova edição de Professores em Ação, organizada por Escolas Católicas para apoiar a mudança metodológica nos colégios que tem em vista colocar os alunos como protagonistas de sua própria aprendizagem. Trata-se de um total de 40 horas de formação presenciais e online que concluem no dia 14 de abril.

Para as Comunidades:

Além disso, no primeiro final de semana de fevereiro, o Governo Provincial e as Superioras locais participaram, durante dois dias,  de um encontro de formação animado pelo jesuíta Elias López com o tema “a pessoa da Superiora, sujeito com vocação (relação intrapessoal) e sujeito em relação (dimensão interpessoal)”.

Uma semana depois, a convocação de formação foi dirigida a todas as irmãs da província que quisessem participar. Tratava-se de um final de semana para uma oficina realizada por Maite Valls, religiosa de Jesus María, que tinha como tema “Perdão na linha dos Exercícios”.  Participaram 65 Filhas de Jesus que acolheram a convocação, desfrutando de um tempo para fazer caminho no “ser mulheres de comunhão, reconciliadas e reconciliadoras”, como propõe a Determinação da CGXVII.

0
0
0
s2sdefault